Direcione suas habilidades à performance

O dia a dia do FM envolve diversos desafios que demandam uma performance eficiente e ascendente. Além disso, a área abrange inúmeras necessidades operacionais, que exigem profissionais com habilidades variadas. Como o desempenho do Facility Manager impacta na atuação e na rotina de todos de uma empresa, pode-se afirmar que a performance deste profissional impacta no desempenho dos demais. Logo, a evolução da performance do FM pode criar um ciclo favorável para todo o negócio.

Com a ampliação da gestão predial para um suporte mais presente no gerenciamento de pessoas, recursos e espaços, cada vez mais o FM vem expandindo sua relevância operacional para uma posição também estratégica. Um dos motivos para que isso aconteça é justamente a influência que o trabalho da área tem - e pode ter - no trabalho de todos os demais colaboradores. Por isso, além de buscar desenvolver-se para um melhor aproveitamento em sua área, o Facility Manager que aprimora suas habilidades colabora em cascata com todos.

Para direcionar o desenvolvimento de habilidades à performance, vale a reflexão sobre quais seriam as capacitações mais pertinentes nesta situação. Obviamente, aprimorar todas as competências seria o plano perfeito. Porém, aqui, focaremos em duas habilidades com potencial de transformar a atuação do FM e, consequentemente, seu entorno. Flexibilidade e resiliência são aptidões diretamente relacionadas às mudanças constantes do universo corporativo. Com transformações em velocidade aceleradíssima e uma rotina que pode ser afetada por questões internas e externas a qualquer momento, é crucial ter jogo de cintura e envergadura para responder com agilidade às necessidades. 

A influência do Facilities Manager na performance de outras áreas e o aprofundamento da relação do segmento com a gestão de pessoas, recursos e espaços são fatores muito relevantes, mas também complexos. Além de reforçar competências operacionais, o FM precisa avançar habilidades gerenciais mais amplas. Para ver e agir além das urgências rotineiras, é importante buscar uma mudança comportamental e alinhar-se aos movimentos contemporâneas de outsourcing, gerenciamento apoiado em uso e ecossistema favorável às adequações e transformações.

Como direcionar flexibilidade e resiliência à performance? 

  • Ficar atento e antecipar-se às demandas.
  • Adaptar-se às mudanças com rapidez.
  • Preparar-se para emergências e urgências.
  • Acompanhar movimentos e novos mindsets.
  • Avaliar todas as alternativas e definir parâmetros eletivos.
  • Pensar além do óbvio e buscar soluções inovadoras.
  • Evitar prender-se à rigidez e estruturas inflexíveis.
  • Ampliar possibilidades e manter-se aberto às modificações. 

____________________________________________________________


Este conteúdo foi oferecido pela John Richard, maior locadora de móveis do Brasil. Com atendimento nacional, a empresa atende escritórios e residências com uma solução completa de mobiliário, garantindo flexibilidade para transformar espaços no ambiente ideal.