Benefícios da energia solar para empresas

Com as linhas de crédito abertas pelo governo e pela iniciativa privada, ficou mais fácil implantar projetos de geração de energia fotovoltaica

Não podemos negar que hoje em dia, temas ligados à preservação do meio ambiente estão em evidência. Por um lado, pela urgência do planeta em preservar seus recursos naturais e por outro, devido ao aumento da consciência de parte da sociedade, sobre o impacto de nossas ações. Junto com essa conscientização há, justamente, uma pressão para que as empresas assumam sua responsabilidade com o desenvolvimento sustentável.

O desafio é se reinventar, para que os processos antes feitos de maneira convencional, sejam adaptados para essa nova realidade. Quando falamos em sustentabilidade, isso envolve não apenas preservar o meio ambiente, mas o desenvolvimento da comunidade. Dar boas condições de trabalho aos funcionários, contribuir com ações sociais, não praticar corrupção, todas estas são questões importantes, para que uma empresa seja considerada sustentável.

Os benefícios que as mudanças podem trazer para a sociedade são evidentes. Mas muitos se perguntam, sobre o custo disso dentro de uma corporação. Não poderia gerar prejuízos financeiros? A resposta é que estas ações podem ser mais vantajosas do que se imagina. Em primeiro lugar, os consumidores tendem a ver com bons olhos as marcas que se preocupam com o meio ambiente e se engajam em ações sociais. 

Além disso, o mercado também valoriza as empresas com este tipo de posicionamento. Para as que têm ações na bolsa, há o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), criado pela Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Por meio dele, os investidores sabem como as corporações estão adotando práticas de desenvolvimento sustentável.

Investir em sustentabilidade, também pode ajudar a economizar por meio da redução de custos. Neste aspecto, o Facility Manager (FM) tem um grande papel. Ele pode propor, por exemplo, maneiras de utilizar recursos como papéis e materiais descartáveis, e de reduzir o desperdício de água e energia.

Uma das alternativas para redução de custos é o uso da energia solar. Com os recentes incentivos governamentais, através da abertura de linhas de crédito, muitas empresas têm visto a oportunidade de implementar esta tecnologia, sem comprometer o orçamento.

Se você quer saber mais sobre as vantagens da energia solar para empresas, continue lendo. Hoje vamos falar sobre os benefícios e os cuidados que todo FM deve ter, ao iniciar este projeto.

 

Energia solar em empresas

Há alguns anos, o custo de implantar um projeto de energia solar fotovoltaica era um impeditivo, para que as empresas adotassem esta forma de geração de energia. Mas isso mudou recentemente, com o incentivo financeiro de instituições públicas e privadas.

Um levantamento feito pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), em parceria com a Clean Energy Latin America (CELA), constatou que o Brasil possui 70 linhas de financiamento para projetos de geração de energia solar. São bancos públicos como o Banco do Brasil (BB), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco do Nordeste (BNB) e o Banco da Amazônia (BASA), além de instituições financeiras privadas.

Segundo Paulo Ponso, Gerente de Operações do Grupo Center Norte e docente do Grupo Facilities Services, as principais vantagens da implantação da energia fotovoltaica são o baixo custo de manutenção e a longevidade do benefício. Um bom sistema pode funcionar por períodos superiores a 25 anos.

Ele também destaca a possibilidade de explorar novas tecnologias: “Existem aplicações específicas que cabem muito bem em novas construções. Com um incremento no investimento, pode-se trocar um telhado em vidro comum por um vidro fotovoltaico, vidro ou tensoflex com aplicação de filme plástico fotovoltaico; trazendo ao empreendimento benefícios diretos e indiretos, financeiros, técnicos e de sustentabilidade”.

No Brasil, este tipo de geração de energia tende a crescer ainda mais em 2019. Dados da ABSOLAR mostram que é esperado um aumento de 97% em relação à 2018. O país já atingiu a marca histórica de 500 megawatts (MW) de potência em sistemas instalados em residências, comércios, indústrias, áreas rurais, prédios públicos e pequenos terrenos.

 

Cuidados que o FM deve ter

Os benefícios em adotar um sistema de geração de energia solar são inúmeros, mas também é preciso tomar alguns cuidados, para que a implantação ocorra da melhor forma. Pensando nisso, Paulo Ponso reuniu algumas dicas para os Facilities Managers. Confira:

1- Faça a conta: Avalie o custo de instalação, sem deixar de lado valores que às vezes são esquecidos como o projeto, adequações estruturais para receber as placas fotovoltaicas e o seguro de riscos de engenharia, nos casos de grandes instalações. 

 

2- Garantias do sistema: Esteja atento às garantias do sistema implantado (placas, inversor de frequência e instalações).

 

3- Avalie quem fará a instalação: Analise quem será o parceiro integrador que cuidará do projeto, instalação e start up do sistema. Pesquise bem o mercado, para identificar empresas com sólido conhecimento.

 

4- Veja qual a melhor forma de contratar: Há como adquirir com custo zero, por exemplo, através do contrato de success fee (desconto garantido e compartilhado) ou BOT (build - operate - transfer), em que a empresa compra, instala, opera e ao final do contrato transfere a instalação ao cliente. Também pode-se comprar com recursos próprios, neste caso, todo benefício é integralmente do investidor. 

 

5- Aspectos contratuais: O FM deve entender todos aspectos contratuais, inclusive os que envolvem a concessionária de energia. Há casos em que o sistema fotovoltaico "exporta" energia para a concessionária, isso passa por alteração no contrato de energia vigente e deve ser adequado a esta realidade. 

 

6- Eficiência: Monitore se o sistema está performando dentro das premissas do projeto. É importante cuidar da gestão dos contratos envolvidos (incluindo o de manutenção) e também o da concessionária.

 

Quer ter mais ideias de como trazer práticas sustentáveis para sua empresa? 

Acompanhe nossa série de vídeos no YouTube, com dicas para você colocar em prática:

 

 

Veja também:

SUSTENTABILIDADE NA ÁREA DE FACILITIES: COMO O FM PODE CONTRIBUIR PARA O MEIO AMBIENTE?

"A ÁREA DE FACILITIES É UMA DAS FERRAMENTAS PARA AUMENTAR O ENGAJAMENTO DOS FUNCIONÁRIOS"

CRIAÇÃO DE GRUPO DE FACILITIES EM BRASÍLIA